desafio 52 semanas

[eu ainda existo]

Eu abandonei o blog? Sim. Um pouco. Um pouco bastante e vou contar para vocês a razão. Sentem que lá vem a história.

Eu me chamo Ana Carolina… brincadeira, rs. Quer dizer, eu me chamo mesmo Ana Carolina, mas não é isso que eu quero contar.

Eu tenho alguns toques ou cismas – não sei bem como definir – e eu desconstruí uma coisa em mim e o nome do blog parou de fazer sentido. Consequentemente eu bloqueei. Como assim? Eu sempre fui uma pessoa muito cheia de opinião, como o nome do blog já diz: carolina pitaqueira. Dou pitaco sobre todas as coisas, não necessariamente onde não fui chamada; apenas acontece de as pessoas me perguntarem sobre muitas coisas diferentes e eu dar a minha opinião. Tá! Acho que às vezes eu também dou opinião onde não sou chamada. E foi assim que a palavra pitaco começou a incomodar porque comecei a relaciona-la a coisas ruins. Não que eu tenha parado de falar sobre tudo, mas não quero que isso esteja atrelado a pontos negativos. Vocês estão pegando o espírito da coisa?

Sim, eu parei de publicar porque fiquei incomodada com algo que parece uma besteira bem grande: o nome desse blog. Mas assim, a regrinha na brincadeira não era de que os incomodados que se mudem? Então… é o que eu estou fazendo. Juntei isso com a dificuldade de me organizar com o trabalho – que por sinal está melhorando agora, depois de algumas várias sessões de terapia e tempo de adaptação –  e tcham, meses sem publicar. Qualquer dia eu falo sobre isso, mas eu tenho muita mania de não validar as coisas que faço, e aí também bloqueei a escrita dos meus comentários sobre os livros que tenho lido. E isso refletiu em outra coisa que eu não consegui colocar em prática até hoje e que sinto cada vez mais vontade: gravar! Sim!! Eu sou muito mais de falar do que de escrever, sério! Eu falo muito – tá aí também a razão do “pitaqueira”? Pode ser. Mas eu ainda não tive coragem. Coragem essa que venho enrolando há um bom tempo ano(s) passado(s).

Então é isso.

Eu vou voltar. Agora estou juntando conteúdo para poder começar no pique e não parar mais! Saudades disso aqui e saudade de ler o que vocês publicam.

Ainda estou no insta: anaperricone. E ah, pode ser que você leia esse texto como carolinapitaqueira ou com o novo nome. Se eu conseguir mudar o nome sem mudar o blog (? é possível?) talvez isso aconteça.

um beijo da carolina

Anúncios

6 comentários em “[eu ainda existo]

  1. É possível sim mudar o nome sem mudar de blog!
    Não faça a mesma cagada que eu fiz, que criei um blog novo, descobri que dava pra mudar de nome sem mudar de blog e ai perdi o nome que havia registrado 😦

    Curtir

  2. Oi, Ana. Em fevereiro mudei o nome do meu blog. O antigo, subindo no telhado, já não me agradava mais e durante um tempo fiz o mesmo que você, parei de blogar. Mas como gosto muito desse mundo, planejei tudo e voltei com nome novo, layout, conteúdo e estou super empolgada, e feliz com os resultados.
    O nome novo passou a ser o meu nome. E é ótimo isso. Afinal é meu espaço, minhas opiniões.

    Beijos e volte logo!

    Curtir

    1. Que bom saber que não fui/sou a única que passa/passou por isso!! Foi muito estranho, nossa.
      As pessoas acham besteira isso, mas eu sou cheia das coisinhas e manias e aí sei lá, aconteceu. =/
      Eu tenho tentado organizar as coisas na cabeça, como vai ser quando eu voltar, tentando produzir conteúdo e deixando no pc… Logo eu entrarei de férias e pretendo mexer nisso. Quero mudar layoyt, tudo e não saco nada sobre, aí preciso ter tempo pra qualquer mudança pequena…

      Beijos!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s